terça-feira, 23 de junho de 2009

Ousadia

Para ti me pronuncio
A ti me faço
Com garras de leoa
E desejo de pecadora
...
Ouso
Provoco
Numa dança
Que tu não me podes tocar
...
Beijo-te os lábios
Para te aguçar o apetite
Toco-te o íntimo
Para soltar o teu desejo
...
Afasto-me
...
Olho para ti
Vejo que me queres
Na loucura
No extase
...
Vou ao teu encontro,
Novamente,
Dispo-te
Toco-te
E,
Por fim,
Entrego-me
...
E juntos
Soltamos o desejo
O querer
Os nossos corpos unem-se
E, pelo meio de gemidos,
De movimentos coordenados,
O 'amo-te' solta-se
Como um aquele balão
Que alcança a liberdade e voa
...