sábado, 27 de setembro de 2008

Na sombra..

Na sombra
Procuro-te
Incessantemente...
O meu corpo
Sedento de ti
Solta o seu desejo
A cada passo que dou…
Vem!
Leva-me numa viagem
Como só tu sabes
Ensina-me os trilhos do teu corpo
E percorre os do meu
Vem!
Vem ser meu
Hoje
Amanhã
Sempre!

quinta-feira, 25 de setembro de 2008

Contigo



Contigo

Partilho loucuras

Gritos e gemidos contidos

Em noites de cumplicidade

Contigo

Deixo-me levar

Pelas emoções que se soltam

A cada carícia tua

….

Contigo

Descubro a paixão

Escondida pela timidez

Dos nossos olhares

...

Contigo

Aprendo a voar

Pelas asas da imaginação

Na arte de fazer amor

segunda-feira, 8 de setembro de 2008

Ausência de ti


Ausência de ti
Do teu corpo
Da tua boca...
O desejo,
Encurralado
Querendo sair
Querendo manifestar-se
E então começo,
Toco-me nos seios
Imaginando que sao as tuas mãos
Vou descendo
Percorrendo o meu ventre
Até ao ponto do meu extase
...
Quero-te!
Quero que me possuas
O meu corpo precisa do teu
Do teu suor
Do teu movimento
De ti
...
Começo a gemer
Aperto os meus seios com força
Acaricio-me com os dedos
Imagino o teu corpo
Unindo-se com o meu
E deixo-me guiar pela loucura
...
Vem!
Preciso de ti
Do teu amor
Do teu abraço
...
Amo-te!

quarta-feira, 3 de setembro de 2008

Segura-me..

Segura-me nos teus braços
Ama-me!
Deseja-me!
Entrega-te a mim
E sente a minha paixão.
És tu quem revira o meu mundo
O meu ser...
Vem!
Acalma o meu coração
Possuí o meu corpo
Une-te a mim
E protege-me
Por entre abraços
Por entre beijos
Por entre olhares
...

Olho-te

Olho-te
Acaricio-te
Desejando que o momento se perpetue
No tempo
No espaço...
Tu despertas
E sorris.
Beijas-me com paixão
Seduzes-me
E puxas-me para ti
Numa dança precisa
De emoção e entrega
Onde nos tornamos num só ser
...
Olho-te
Acaricio-te
Desejando que a manhã não chegue
Desejando que a união se perpetue
No tempo
No espaço
....